Notícias

Usuário:



Senha:

Empresa já aposta em franquia para crescer

09/12/2012

Fonte Web: http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1212527
Consutla realizada em 09 de dezembro de 2012.

Helder Macêdo conta que a Rastrum, desde que começou a atuar no segmento, já tem 2,5 mil veículos rastreados FOTO: LUCAS DE MENEZES

 
Ao lado da blindagem, o rastreamento de veículos é outro forte segmento quando se trata de segurança. Do ano passado para cá, o crescimento na procura pelo serviço registrou alta de 70%, como no caso da Locktec/Rastrum. Desde que começou a atuar especificamente nesta área, há cerca de quatro anos, a empresa já conta com 2,5 mil veículos rastreados e vende, mensalmente, de 100 a 150 novos rastreamentos, em média.
 

O negócio deu tão certo, e há tanto espaço para crescer, que o empresário Helder Macêdo já até abriu franquias da empresa. "Nós lançamos nossa franquia de rastreamento há apenas dois meses e já temos um franqueado em São Paulo. Estamos com mais dois em negociação. Vale lembrar que apesar de estarmos em Fortaleza, estamos interessados em ter franqueados aqui também. Temos espaço para uns cinco ou seis", destaca.

Produtos próprios
Segundo ele, a facilidade com que a empresa formatou esse modelo de negócio deveu-se a desenvolvimento próprio dos produtos utilizados na prestação do serviço. "Nós disponibilizamos nossa mesa de monitoramento, o software de controle e o equipamento que gera a informação, os dois últimos desenvolvidos por nós, o que dá uma grande liberdade de adaptação e parametrização para quem ser nossa franqueado, diferentemente dos nossos concorrentes que adquirem no mercado e de fornecedores distintos", explica Macêdo. "O franqueado cuida apenas da comercialização", completa.

Segmentação
Conforme disse, há quatro grandes vertentes que impulsionam o segmento de rastreamento de veículos. "A primeira é a segurança sob o ponto de vista do roubo. A segunda, que é um sucesso, é o gerenciamento de frotas para empresas e o rastreamento de carros particulares. Conseguimos fazer várias parametrizações de acordo com a necessidade do cliente e ainda vemos o que está acontecendo em tempo real. Em seguida vem o monitoramento de veículos que transportam valores e cargas mais caras. É o que chamamos de gerenciamento de risco. Uma quarta vertente é o rastreamento de motos. O que ajuda na hora de seu proprietário contratar um seguro", detalha.
 
Valores
Quanto a valores, Macêdo ressalta que, atualmente, o rastreamento de um veículo sai, em média, por R$ 75,00 por mês, com mais R$ 100,00 a R$ 150,00 de adesão. Já monitoramento de motos cai para R$ 55,00 mensais", conta. "Mas esses valores já foram bem maiores. Antes, custava em torno de R$ 150,00, quando ainda nem era o sistema GPS. Mas a tecnologia avançou, o custo dos equipamentos caiu muito também", emenda. 
 
ANCHIETA DANTAS JÚNIOR
Clique aqui para voltar para página anterior



Locktec Tecnologia G4
Rua Oliveira Viana, 77
Vicente Pizón | Fortaleza | Ceará
Apoio Operacional: 4020-7788
Contatos: franquia@rastrum.com.br